A unção dos enfermos e os supersticiosos desesperos

Pensar que a unção que o padre vai administrar aos doentes no hospital, em casa ou na igreja é para levar a pessoa à morte constitui hoje uma histeria generalizada que pouco ou nada tem a ver com a realidade. Deixe-se de desesperos e superstições nefandas, e dê-se conta da grande responsabilidade de zelar por este sacramento.

Afinal, quem escolheu o Papa?

Neste dia em que celebramos a Cátedra de São Pedro, republico um artigo que redigi por ocasião do Conclave que elegeu o Papa Francisco. A intervenção de Deus na História A agitação e o frenesim próprios ao Carnaval iam longe quando uma notícia resolveu tirar o protagonismo televisivo e jornalístico da maior festa pagã ocidental.... Continue Reading →

A inteligência humilde e a néscia arrogância

“O Espírito abre à inteligência humana novos horizontes que a ultrapassam, e proporciona-lhe compreender que a única sabedoria verdadeira reside na grandeza de Cristo”.1 A inteligência é a faculdade pela qual o homem percebe a essência das coisas. Atinge o imaterial, embora dependente das faculdades sensitivas que lhe fornecem os elementos a percecionar. Consequentemente, aos... Continue Reading →

Site no WordPress.com.

EM CIMA ↑